A única certeza é a mudança!

Mas a única certeza não era a morte? Pois é, quando morremos mudamos e então, temos certeza que a mudança é a única certeza, embora
também seja certeza que morreremos!

Ah, você entendeu, não é verdade?

Transformação, mudança, cenários alternativos, caos em todos os sentidos da vida:

    • Na forma de trabalhar;
    • De se comunicar;
    • De se relacionar;
    • De namorar;
    • De liderar;
    • De aprender;
    • De ensinar;
    • De vender;
    • De respirar.

Respirar? Claro, primeiro porque o ar nas grandes cidades mudou e ficou mais puro e segundo porque a máscara atrapalha, e muito, respirar e falar. Haja poder de adaptação.

Daqui pra frente tudo vai ser diferente, já dizia o antigo cantor da Jovem Guarda.

E o que mudou em você? Ou não mudou e você sofre por isso?

Como lidar com estas mudanças e o novo mundo que nasce na nossa frente?

De uma hora pra outra a Terra ficou plana, não saímos mais do nosso quadrado. Cada um de nós tem suas dificuldades e seus medos interiores. E isso tem relacionamento com o perfil comportamental de cada um. Nada melhor do que momentos como estes para refletir pensar no que pode ser feito para mudar.

O ser humano é mutante e se adaptou sempre ao novo formato imposto pelos desafios através da história. As pessoas na sua maioria já traçaram o seu perfil de alguma forma. Seja através de ferramentas esotéricas ou científicas. Você sabe seu signo, seu ascendente, sua Lua e tudo o mais relacionado à astrologia. Você sabe seu número da sorte e já pensou em acrescentar um “S” a mais no nome só para mudar a vibração energética. Já jogou Tarô. Sabe o seu animal no horóscopo chinês. Enfim, creio que se você é um ser que ainda não fez nada disso, eu só digo que você está perdendo uma experiência no mínimo, extraordinária. Nenhuma viagem é tão excitante quanto a viagem ao nosso interior.

Mas vamos lá. Estamos falando de Perfil Comportamental e a ferramenta que se usa nessa abordagem é uma ferramenta testada e aprovada cientificamente. Essa ferramenta utiliza a metodologia DISC, sigla em inglês, que é a representação dos quatro perfis, Dominância, Influência, eStabilidade e Conformidade.
Estou realmente afirmando para você que o resultado obtido nesse teste tem acerto de mais de 90%. Os relatórios produzidos pela ferramenta / Software RH Profiler,
produtor desses relatórios, são validados pela UFMG, USP, Ministério de Ciência e Tecnologia e FUNDEP.

E como será que cada perfil vai se comportar no trabalho em home office e com esse distanciamento social?

Ah, uma informação importante, todos nós temos todas as quatro características no perfil, mas uma delas é a mais forte ou predominante e é sobre isso que vamos
abordar. Vamos às avaliações de cada perfil.

Veja se você se identifica em um dos comportamentos abaixo.

DOMINÂNCIA

O dominante é aquele que tudo quer controlar e não tem paciência para muita explicação ou detalhes. É uma característica comportamental de pessoas mais agitadas e que precisam de espaço e um ambiente para dominar e controlar. Quando ele não está no controle e não encontra este espaço, se sente preso e entediado e desenvolve uma ansiedade que pode vir a prejudicar seus relacionamentos. Tem comunicação direta e objetiva. Com o aumento desta ansiedade provocada pelo momento atual, pode desenvolver uma comunicação ríspida, deixando de ouvir o outro e não compartilhando as decisões, simplesmente informando o que já foi decidido.

DICA PODEROSA: Para passar por este momento de forma mais tranquila, é ver esse momento como um desafio, já que é uma das suas principais motivações, superar este desafio e desenvolver novas habilidades e competências. Além disso, fazer uma atividade física para descarregar toda esta energia acumulada é muito válido.

INFLUÊNCIA

O possuidor essa característica necessita muito de conversar e fazer conexões. Isso pode não estar acontecendo neste momento ou estar acontecendo em uma proporção bem menor do que o esperado. A dica para desenvolvimento é aproveitar para conversar com você mesmo, buscar o autoconhecimento e se ouvir mais. A dificuldade em estar sozinho e não ter as pessoas para compartilhar suas ideias e decisões podem trazer certa agitação interna e perda de foco. Tente fazer uma meditação, respirar fundo, conversar (rapidamente) com outra pessoa no telefone nos intervalos para não se sentir tão sozinho e conseguir ser mais produtivo.

DICA PODEROSA: Enquanto estiver trabalhando desligue-se de qualquer meio que você possa ter contato com pessoas, pois a tendência é você perder totalmente o foco para se relacionar e isso vai atrapalhar o seu rendimento.

ESTABILIDADE

Quem possui a estabilidade como fator predominante em seu perfil precisa de direcionamento e ser guiado. E isso pode não estar acontecendo neste momento, o que pode deixá-lo desconfortável e inseguro principalmente para tomar decisões. Toda a mudança que está por vir o incomoda, pois não é previsível e pode causar forte agitação mental, sempre buscando todas as alternativas possíveis de cenários para o futuro. Tudo isso faz com que ele perca o foco e atenção ao que realmente precisa ser feito agora.

DICA PODEROSA: Fazer um esforço para trabalhar o agora, o momento atual e entregar o melhor de si. Sem deixar de pensar no futuro, mas compreendendo que no momento há coisas que não se consegue ver, é como dirigir um veículo em plena neblina. Não se desespere. Faça um planejamento, pense em novos caminhos que terão este futuro, coloque os planos no papel e isso lhe trará mais calma e segurança.

CONFORMIDADE

Provavelmente este é o comportamento das pessoas que estão lidando melhor com este momento, desde que, quando definido o trabalho home office, deixaram claro para ele as regras e os procedimentos a serem seguidos. Se isso ocorreu, ele tem grande facilidade para trabalhar sozinho e adora não ser interrompido nas suas atividades, conseguem se organizar e seguir a programação, têm tranquilidade e silêncio para trabalhar e conseguem fazer isso até mesmo se tiverem com os filhos pequenos em casa. Pensando em um cenário com filhos isso pode ser um problema, pois ele organiza a agenda para o dia seguinte, mas as crianças não o deixam fazer a reunião que estava agendada o que pode irritá-lo e descontar esta irritação nas pessoas mais próximas prejudicando seus relacionamentos pessoais.

DICA PODEROSA: Encare este momento com mais leveza, se cobre e cobre menos dos outros. As regras do jogo mudaram e você não poderá mudar isso agora. Se precisar fazer uma reunião importante, entregar um trabalho com qualidade e não pode ser interrompido, se tranque em um quarto, coloque fone de ouvidos e uma música que goste para conseguir se concentrar na tarefa e não deixar que o ambiente externo te atrapalhe.

Finalizando, é importante lembrar que cada pessoa é muito mais do que um perfil comportamental único, ela pode já ter adquirido grande experiência com o trabalho home office, pode saber conviver somente com ela mesma, pode ter inteligência emocional suficientemente desenvolvida para lidar com este momento de incertezas.
Estamos analisando aqui simplesmente, um perfil comportamental e nada mais.

Espero que todos nós consigamos aproveitar este momento para o autoconhecimento e autodesenvolvimento, pois isso levará para sempre na vida e impactará diretamente nossos relacionamentos e resultados.